Início » SUSTENTA é um projeto de uma só pessoa, diz CDD

SUSTENTA é um projeto de uma só pessoa, diz CDD

[dropcap]A[/dropcap] sociedade civil em Moçambique queixa-se de ter sido excluída do “SUSTENTA”. O projecto tutelado pelo Ministério da Agricultura e Desenvolvimento Rural também é alvo de várias críticas, como, por exemplo, de não passar de um programa meramente político e pouco voltado para o desenvolvimento.

Para o Centro para o Desenvolvimento da Democracia (CDD), na pessoa do seu director, Adriano Nuvunga, o Sustenta é um projecto de uma só pessoa, é um one man show, pensado nalgum sítio, com toda linguagem dele copiada de um dia para o outro”.

Nuvunga lembra ainda que “o projecto estava no extinto Ministério da Terra, Ambiente e Desenvolvimento Rural, que não era o da Agricultura. E é um projecto que começou a ser implementado em dois ou três distritos quando ainda estava naquele ministério.

O activista do CDD denuncia ainda que “o projecto foi iniciado sem discussão pública e também porque havia dinheiro do Banco Mundial e esse dinheiro suscitou cópia do projecto aqui e acolá e assim se estruturou o Sustenta”.

“Não surge nem do manifesto eleitoral de Filipe Nyusi, nem do congresso da FRELIMO. É um programa que foi enxertado no programa de governação da FRELIMO e depois tornou-se no programa principal do Governo, fez-se um arranjo para fazer dele política pública”, observa Adriano Nuvunga.


Deixe o seu comentário, compartilhe e não se esqueça de deixar um Like/Gosto/Curtir a nossa página no Facebook e seguir a nossa pagina no Instagram

Instagram: www.instagram.com/mozmais

Comentários do Facebook